Eder Borges é cassado pelo TRE-PR por problemas na prestação de contas de 2016


O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) cassou o mandato do vereador Eder Borges (PSD) por problemas na prestação de contas na eleição de 2016, com seis votos favoráveis e apenas um contra, com a decisão da corte, o PSD mantém a cadeira para o primeiro suplente, Mestre Pop.

Mas o PSL quer anular os votos de Borges, se conseguir, Rodrigo Reis, filho da vereadora Julieta Reis (DEM), herda a vaga.


Via Blog do Tupan


https://blogdotupan.com.br/2021/04/14/eder-borges-e-cassado-pelo-tre-pr-por-problemas-na-prestacao-de-contas-de-2016/

Postar um comentário

0 Comentários