STF na berlinda: Após Fachin anular os processos de Lula, bolsa cai e dólar dispara


Conforme noticiado pelo Conexão Política, o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu anular todas as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) relacionadas às investigações da Lava Jato na Justiça Federal no Paraná.

Com isso, o petista – que já havia sido condenado em segunda instância pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro – volta a ser considerado ficha limpa e pode, inclusive, disputar eleições.

Em reação à decisão, o dólar apresentou forte disparada. Por volta das 15h30min, a moeda americana estava sendo negociada na faixa de R$ 5,72.

Após o anúncio, o câmbio encostava no valor de R$ 5,78, com tendência de aumento.

Às 16h, a Ibovespa – principal índice da bolsa de valores – operava em queda de -3,76%, a 11.393 pontos.


Via Conexão Política 


Comentário da editoria do Portal 57:

A decisão de Fachin “mancha” a “biografia” de Sérgio Moro? Mesmo o ex-juiz federal e ex-ministro ter traído o governo qual pertencia e indo se abraçar com os socialista fabianos (PSDB/DEM), Luciano Huck, Rodrigo “Nonho” Maia e Henrique Mandetta, agora voltará a ser desmoralizado pelo pior que há da esquerda. E essa cova foi ele mesmo que cavou.

E os milhões de eleitores de Bolsonaro deverão cobrar para as próximas eleições o voto impresso e uma atitude mais energética do presidente e das Forças Armadas aos desmandos dos Deuses de capa preta do STF, ou seremos engolidos pelos comunistas em 2022. A corda já esticou faz tempo.

Postar um comentário

0 Comentários