Maia se solidariza a Ciro Gomes após ele se tornar investigado pela PF por atacar Bolsonaro


O ex-presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM – RJ), foi até as suas redes sociais para comentar acerca de um inquérito aberto pela Polícia Federal para investigar o ex-presidenciável Ciro Gomes, por ataques contra o presidente da República, Jair Bolsonaro.

O deputado federal compartilhou a notícia em seu perfil oficial no Twitter, e na legenda, ironizou quem possui medo do Brasil, um dia, se assemelhar com a Venezuela.

Após ter deixado o comando da Câmara dos Deputados, Maia vem se dedicando à críticas em direção ao Chefe de Estado. Ele, inclusive, já defendeu que Jair deveria ser afastado da presidência, todavia, vale ressaltar que quando esteve na liderança da Casa não acatou nenhum dos pedidos de impeachment contra Bolsonaro.

Maia atrasou várias pautas enviadas pelo governo Bolsonaro quando estava na presidência da Câmara.

Postar um comentário

0 Comentários