Ney manda Greca lavar a boca e o chama de fanfarrão

Deputado Federal Ney Leprevost e o governador Ratinho Júnior (Foto: AEN/PR)

O decreto do governo do Paraná apontava que poderia faltar medicamentos para a anestesia de pessoas a serem entubadas em respiradores e relaxantes musculares, em Curitiba, levou o prefeito Rafael Greca (DEM) a fazer uma “live”, onde tentou desidratar o governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) e a resposta veio nas redes sociais do pré-candidato à prefeitura pelo PSD, Ney Leprevost.

A postagem foi a seguinte:

“Senhor Rafael Greca, lave a boca antes de tentar jogar o povo de Curitiba contra o governo do estado.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior só teve que decretar medidas extremamente rigorosas de contenção a pandemia porque o senhor não cumpriu o seu dever de prefeito.

Foi o senhor, para agradar seus amigos, que deixou os ônibus lotados, não o governador.

Foi o senhor que, em mais de 100 dias que teve de fôlego, não preparou os leitos de UTI. Mesmo tendo recebido dinheiro do governo do estado para isso.

Foi o senhor quem titubeou dizendo que “jamais mandou fechar nada”.

E como é esta história? Agora só temos 52 leitos de UTIs livres? O senhor está brincando com vidas. A cada dia conta uma nova mentira. Seus números nunca batem.

Mais uma vez o governador Ratinho Junior vai precisar salvar o seu couro para não deixar os curitibanos na mão.

Aliás, sua gestão só é vista como positiva por uma parcela de ingênuos porque o senhor fez asfalto com dinheiro que o governador deu para a cidade. Dinheiro este que o senhor investiu mal, asfaltando ruas que estavam boas e deixando os bairros abandonados.

Há quem diga que existe uma empresa Greca Asfaltos com o senhor nisto. É verdade? O senhor tem coragem de responder?

A ingratidão gera atitudes muito feias, prefeito.

O senhor já esqueceu que o governador Ratinho Junior ajudou Curitiba com subsídio ao transporte, o que lhe evitou um grande desgaste?

Eu vi o governador inaugurando diversos hospitais nos últimos meses. E o senhor, o que fez? Recusou o hospital de campanha.

Em sua prepotência, o senhor está condenando centenas de curitibanos a uma morte indigna.

Em tempos de guerra precisamos de governantes competentes e corajosos como Churchill, não de um fanfarrão que finge chorar nas redes sociais mas que não tem a menor capacidade de gestão e nem o menor respeito as vidas humanas. Que Deus nos proteja!

Via Blog do Tupan

https://blogdotupan.com.br/2020/07/02/ney-manda-greca-lavar-a-boca-e-o-chama-de-fanfarrao/

Postar um comentário

0 Comentários