Athletico atropela Londrina por 5 a 0 e vai enfrentar o Cascavel na semifinal

Athletico aplicou goleada sobre Tubarão na Baixada (Divulgação: LEC)

O Athletico Paranaense está na semifinal do Campeonato Paranaense. A vaga foi garantida nessa quinta-feira, 23, à tarde, com a goleada por 5 a 0 sobre Londrina, na Arena da Baixada. Na partida de ida, em Cornélio Procópio, houve empate em 1 a 1. Agora, nas semifinais, o Furacão vai enfrentar o FC Cascavel, que eliminou o Rio Branco. O mando de campo do segundo jogo da semifinal é do FC Cascavel, que teve melhor campanha nas fases anteriores. O primeiro confronto será domingo, na Arena da Baixada.

A partida dessa quinta-feira não teve a presença de torcedores, por causa da pandemia.

Jogadores que testam positivo para covid-19 não podem participar das partidas. O Athletico não vem divulgando os nomes dos infectados. O lateral Adriano não ficou nem no banco na partida contra o Londrina. A rádio Transamérica informou que o meia-atacante Pedrinho teve coronavírus e já está recuperado, mas ainda não tem condicionamento físico ideal.

ARTILHEIROS

Nikão deu show na partida, marcando dois gols e participando das melhores jogadas. Agora ele soma quatro gols em sete jogos em 2020. No total, soma 30 gols em 222 partidas pelo clube. O centroavante Bissoli também fez dois e agora soma cinco gols em sete jogos pelo Furacão no ano. Foi o primeiro gol de Marquinhos Gabriel em partidas oficiais pelo Athletico. Antes, ela havia marcado em um amistoso. O goleador do Athletico em 2020 é Pedrinho, com seis gols em oito jogos.

SÉRIE INVICTA

O Athletico tem agora uma série invicta de 15 jogos na Arena da Baixada (oito em 2020 e sete em 2019). A última derrota no estádio foi em 13 de outubro, para o badalado Flamengo de Jorge Jesus, por 2 a 0. Ou seja, são nove meses sem perder como mandante. Desde então, foram 12 vitórias e três empates no local.

TABU

O Athletico nunca perdeu para o Londrina na Arena da Baixada, construída em 1999. Foram 15 partidas entre os dois no local, com 13 vitórias do Furacão, dois empates, 36 gols marcados e cinco gols sofridos.

ESCALAÇÕES

O técnico Dorival Júnior fez uma mudança no time em relação ao último jogo. Abner Vinícius entrou na lateral-esquerda e Marcio Azevedo começou no banco. O esquema tático 4-1-4-1 foi mantido, com Wellington como único volante. O Londrina repetiu a escalação do jogo de domingo.

PRIMEIRO TEMPO

O Athletico jogou avançado, sufocou a saída de bola do adversário e atacou em bloco, contando com boas triangulações na frente. O Londrina sentiu a pressão, errou em excesso e pagou caro. O time da capital fez 5 a 0 e ainda perdeu outras três grandes chances.

SEGUNDO TEMPO

A equipe do Interior melhorou um pouco no segundo tempo, mas não o suficiente para reduzir o ‘abismo’. O Athletico continuou avançado e dominando, mas sem o mesmo ímpeto da primeira etapa. Mesmo assim, criou quatro chances para ampliar o placar, enquanto a equipe do Interior seguiu inofensiva. Aos 20, entrou no lugar de Wellington o volante Kawan, 18 anos, para fazer seu segundo jogo no profissional. Aos 26, o meia Bruno Leite entrou na vaga de Marquinhos Gabriel. Aos 30, Carlos Eduardo foi substituído pelo ponta Vitinho.

ATHLETICO 5x0 LONDRINA

Athletico: Santos; Erick, Lucas Halter, Thiago Heleno e Abner Vinícius; Wellington (Kawan); Léo Cittadini, Marquinhos Gabriel (Bruno Leite), Carlos Eduardo (Vitinho) e Nikão; Guilherme Bissoli. Técnico: Dorival Júnior
Londrina: Matheus Albino; Raí Ramos, Cristian, Zé Pedro e Felipe Camillo; Marcondes, Luan e Matheus Bianqui; Ruster (Caio), Júnior Pirambu (Juan) e Uelber (Danilo). Técnico: Alemão
Gols: Nikão (3-1º e 20-1º), Marquinhos Gabriel (6-1º), Bissoli (39-1º e 42-1º)
Cartões amarelos: Lucas Halter, Thiago Heleno (A).
Árbitro: Rodolpho Toski Marques
Público: portões fechados
Local: Arena da Baixada

PRINCIPAIS LANCES

Primeiro tempo

2 – O Londrina erra passe na defesa. Carlos Eduardo intercepta e sai na cara do gol. Ele dribla o goleiro e chuta cruzado, mas erra o alvo.
3 – Gol do Athletico. Bissoli tenta o chute. A bola rebate no zagueiro. Nikão pega o rebote, salta e chuta de voleio. A bola encobre o goleiro e entra no ângulo.
6 – Gol do Athletico. Nikão de calcanhar para Erick, que chuta forte. O goleiro espalma. Marquinhos Gabriel pega o rebote na marca do pênalti e fuzila.
13 – Abner chuta de longe. O goleiro espalma.
20 – Gol do Athletico. Depois de rebote do goleiro e do zagueiro, Bissoli ajeita para Nikão chutar da meia-lua e acertar no cantinho.
30 – Londrina erra passe na defesa. Cittadini chuta cruzado. O goleiro espalma. Nikão desperdiça o rebote, com o gol vazio.
37 – Nikão cruza. Bissoli cabeceia. O goleiro defende.
38 – Cittadini toca para Bissoli, que chuta perto, ao lado.
39 – Gol do Athletico. Marquinhos Gabriel cobra escanteio. Bissoli domina na área e fuzila.
42 – Gol do Athletico. Carlos Eduardo enfia. Bissoli toca por cobertura.

Segundo tempo

8 – O goleiro erra a saída. Nikão aciona Bissoli, que ajeita para Marquinhos Gabriel. Ele chuta e o goleiro defende.
10 – Boa troca de passes. Erick toca para Bissoli, que chuta forte. O goleiro espalma.
16 – Boa troca de passes. Carlos Eduardo faz o ‘corta-luz’ na área e Abner sai na cara do gol. Ele chuta e o goleiro salva com os pés.
32 – Nikão chuta de fora da área e acerta o travessão.

Postar um comentário

0 Comentários