Homem acusado de matar e esquartejar jovem é preso em motel no sudoeste do Paraná

Daiane de Oliveira Pires de Couto, jovem assassinada (Foto: Divulgação)


Polícia Civil possuía informações do paradeiro do assassino

Andrei Schmatz Couto, 28 anos, acusado da morte de Daiane de Oliveira Pires de Couto, encontrada morta na tarde de domingo, 7,  com sinais de agressões e com parte do corpo queimado, foi preso pela Policia Civil.

A prisão aconteceu por volta das 21h, na noite desta terça-feira, 9, em um motel em Francisco Beltrão.

De acordo com o Delegado, DR. Rodrigo Colombelli, titular da comarca de Salto do Lontra, responsável por investigar o caso, existiam fortes indícios de que o acusado estivesse escondido em Francisco Beltrão e após a divulgação da foto do acusado, denúncias anônimas informaram o paradeiro do suspeito que não resistiu à prisão.

O CRIME – Segundo relatos, ele teria chegado a residência em onde morava com a vítima e chamada ela para ir a uma localidade próxima, a fim de se utilizarem do aparelho de telefone, pois no local em que residem não tem sinal. Chegando neste local ele teria cometido o crime com requintes de crueldade.

Postar um comentário

0 Comentários