Curitiba: Professor Galdino pretende concorrer a vereador na ‘Aliança Pelo Brasil’ de Bolsonaro



Agredido por punks antifas no centro de Curitiba em 2018 enquanto fazia campanha eleitoral, o ex-vereador Professor Galdino está empolgado com o novo projeto partidário do presidente Jair Bolsonaro – a Aliança Pelo Brasil.

Apoiador do capitão desde 2016, onde no plenário da Câmara de Curitiba defendeu que a democracia tem que prever em petistas elogiarem ‘Che’ e Fidel e Bolsonaro exaltar o Coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra durante voto pelo impeachment de Dilma Rousseff – rebatendo uma fala da vereadora Professora Josete (PT), Galdino foi um dos primeiros políticos curitibanos a apostar no projeto bolsonarista – antes mesmo de vários deputados eleitos em 2018 entrarem ‘na onda 17'.

Galdino atualmente está no PSL, qual considera que foi ‘esquecido’ desde as eleições de 2018 pela direção atual do partido na capital – atualmente nas mãos dos deputados Francischini – que pretendem alçar ao Palácio 29 de Março em 2020.

“Estou com Bolsonaro onde ele estiver. Em 2018 entreguei a ele uma imagem de um cavaleiro templário afirmando seria o novo presidente. Estou procurando alguns deputados ou líderes ligados ao Aliança Pelo Brasil para assinar a lista e futuramente integrar ao novo partido”, afirmou Galdino a ex-colaboradores.    

Postar um comentário

0 Comentários